segunda-feira, 4 de agosto de 2008

A luz e a sombra


Se cada dia cai

dentro de cada noite,

há um poço

onde a claridade está presa.

Há que sentar-se na beira

do poço da sombra

e pescar luz caída

com paciência.



Pablo Neruda

2 comentários:

Anabela Magalhães disse...

Sábias palavras.

Anónimo disse...

E então hoje, grata por teres acedido luminosamente á "minha cana de pesca" .

Bj.
C(EN)